Começaram as visitas missionárias em Salto

Jussane Cristina 24 de março de 2017 0

Desde o dia 6 de março, mais de 200 missionários caminham pelas ruas da cidade de Salto para evangelizar. Esta primeira etapa das Santas Missões Populares na Paróquia São Benedito deve seguir até o dia 2 de abril.  O objetivo é visitar 5.800 lares dentro do território paroquial, que compreende seis comunidades: Matriz, São José Operário, Sant’Ana e São Joaquim, Divino Espírito Santo, Santa Teresinha e Santo Inácio de Loyola.

Mas antes disso, no dia 3, os missionários reuniram-se no Centro Comunitário paroquial para uma catequese com o tema “50 anos de Evangelização” e lema “Um tempo especial de muitas visitas fraternas”. O pároco, padre Marcílio Gragefe (não seria ‘Grafege’?), abriu o encontro dizendo que o objetivo das Santas Missões Populares não é convidar as pessoas para virem às missas e celebrações ou convertê-las, mas sim mostrar o rosto belíssimo da Igreja, pregando e testemunhando o Evangelho, para que as pessoas possam conhecer o real amor de Deus. Padre Marcílio explicou ainda que para ser missionário, são necessárias três coisas: 1º: ser enviado, 2º: testemunhar e : perder a vida, morrer um pouco por Cristo saindo do conforto do lar e indo até o irmão que pode estar precisando de uma palavra amiga. A Paróquia São Benedito conta com mais de 200 missionários, que constituem mais de 100 duplas para as visitas.

Durante o encontro também foram dadas orientações gerais quanto à abordagem a ser seguida nas visitas às casas.

Ao final, os missionários foram divididos por comunidades e receberam o material impresso de apoio para saída em missão e um folder informativo da paróquia, feito especialmente para este momento.

A Missa de Envio Missionário, presidida pelo padre Marcílio, com auxílio dos diáconos Edison da Silva Palagi, José Carlos Pascoal e Antonio Barcelides Cruchello, foi celebrada no dia 5 de março.

Colaboração: Pascom da Paróquia São Benedito

Deixe seu Comentário »